PEDIDO DE REUNIÃO



Rio,

10/10/2014

Prezado Leonardo,

Venho pedir a sua ajuda no sentido de marcarmos uma reunião com o Secretário Municipal de Ordem Pública para discutirmos os diversos problemas que continuam assolando o nosso bairro.

- camelôs que voltaram com força total, vendendo, notadamente, artigos contrabandeados ou falsificados como bolsas de grife, óculos de grau e escuros nas esquinas de  da Rua Visconde de Pirajá com Teixeira de Melo – em frente ao Zona Sul, Vinicius, Aníbal e em frente à banca de jornal da Praça N. Sra. da Paz em frente à loja Farm.

- venda de roupas em um bar. No bar da Rua Vinicius de Moraes ao lado do bar  Garota de Ipanema, que aliás, é campeão de reclamações por barulho, sujeira, ocupação de toda a calçada com mesas etc. agora resolveu que como ele precisa de faturar também nos horários e dias de pouco movimento, colocar araras no meio da calçada vendendo roupas femininas. Tem até nome – chama se Bazar do Bem. Eles têm alvará para este tipo de comércio? E se têm por que?

- o imenso número de crianças e adolescentes chapados nas ruas. Só ontem, por volta de 10hrs.  contei três pessoas na Rua Visconde de Pirajá entre Vinicius e Joana Angélica. Tem de se dar uma solução para este problema.

- assaltos constantes. Ontem na esquina de Prudente de Moraes com Vinicius tinham sete pivetes às 11hrs. da manhã assaltando com uma caixa de sapateiro. O número de assaltos aumentou consideravelmente – arrastão na Visconde em plena quarta feira às 9hrs. da manhã, arrastão nas Lojas Americanas, tiroteio no Mac Donald’s etc.

Como todos, sabemos, a violência urbana e a criminalidade começam com a desordem urbana, que é filha da falta de policiamento ostensivo e de fiscalização. Quando instalaram a UOP no bairro, o policiamento melhorou muito e a fiscalização também, de modo que de imediato tanto a segurança, quanto a percepção dela pela população, igualmente melhoraram. Neste momento parece que a UOP foi desativada e toda a conquista obtida está se perdendo e estamos voltando à trágica situação anterior.
Sabemos que você é um administrador sério e empenhado no exercício de sua função. De modo que pedimos que nos ajude a marcar esta reunião, para que junto com o Secretário, a população possa sugerir e participar na busca de soluções. O problema como está não pode continuar.
Atenciosamente

Ignez


Projeto de Segurança de Ipanema    

2 comentários:

Anônimo disse...

Peço atenção também para a venda de artigos contrabandeados ou falsificados como bolsas de grife, dentro da feira Hippie de Ipanema, a descaracterização da feira é completa, a secretaria responsável pela fiscalização a SEOP é conivente, a feira que era um patrimonio cultural do bairro se tornou um estorvo desorganizado e sem nenhuma estética.
Essa feira é uma mancha negra na nossa querida praça General Osório, a qual ficamos literalmente sem acesso durante os domingos já que a praça é ocupada dentro e fora das grades.

Anônimo disse...

O Leonardo não tem demonstrado a iniciativa que o Bernardo tinha....O que solicitei ao Leonardo ha uns anos atras, só ouvi dele "È difícil"
Ja do Bernardo (não sei porque afastado do cargo) o problema foi resolvido na mesma semana em que relatei a situação dos mendigos ao lado do meu predio !
Sinceramente , Ipanema esta jogada as traças, a desordem na praia é vergonhosa, alem dos pontos de ônibus nos finais de semana especificamente nos meses de setembro outubro e novembro (como era tradicional e havia melhorado) ...atualmente lamentávelmente "SEM COMENTÁRIOS"
O Meier esta melhor que Ipanema em termos de organização urbana !